Iniciativa Liberal

No mundo de hoje, Iniciativa Liberal ganhou uma relevância sem precedentes. Seja no campo da tecnologia, política, entretenimento ou qualquer outro campo, Iniciativa Liberal tornou-se um tema constante de conversa e uma fonte inesgotável de interesse e debate. O seu impacto vai desde as decisões que tomamos no nosso dia a dia até às grandes transformações que testemunhamos globalmente. Neste artigo exploraremos detalhadamente todas as facetas de Iniciativa Liberal, desvendando tanto suas implicações práticas quanto seu significado simbólico. Através de uma análise exaustiva, procuraremos lançar luz sobre os diferentes aspectos que fazem de Iniciativa Liberal um fenómeno digno de análise e investigação.

Iniciativa Liberal

IL

Iniciativa Liberal
Presidente Rui Rocha
Secretário-Geral Miguel Rangel
Vice-Presidentes Ricardo Pais Oliveira
Angélique da Teresa
Bernardo Blanco
Ana Martins
Tesoureiro Tiago Oliveira Martins
Líder Parlamentar Rodrigo Saraiva
Fundação 2017 (7 anos)
Sede Porto, Portugal
Ideologia Liberalismo clássico Liberalismo social
Liberalismo económico
Liberalismo cultural
Europeísmo
Libertarianismo
Espectro político Centro-direita
Membros (Fevereiro 2023) 6 300
Afiliação europeia Aliança dos Liberais e Democratas pela Europa
Assembleia da República
8 / 230
Parlamento Europeu
0 / 21
Assembleia Legislativa da Madeira
1 / 47
Assembleia Legislativa dos Açores
1 / 57
Presidentes de Câmaras Municipais
0 / 308
Vereadores municipais
1 / 2 074
Cores Azul
Sigla IL
Símbolo eleitoral
Bandeira do partido
Página oficial
iniciativaliberal.pt

A Iniciativa Liberal (IL) é um partido político português de índole liberal, que defende a liberalização económica, política e cultural. Fundado em 2017, concorreu às suas primeiras eleições nas europeias de 2019. O espectro político da IL é definido como sendo de centro-direita.

É o partido em Portugal que defende as políticas económicas mais liberais, nomeadamente a baixa progressividade no imposto sobre rendimentos (gradualmente até atingir a flat tax, independentemente do salário), a privatização de empresas públicas e o acesso universal à ADSE de forma a diminuir as listas de espera na saúde. A IL afirma-se "uma voz pelo indivíduo e a oposição ao socialismo".

História

A IL nasceu com a criação da Associação Iniciativa Liberal em setembro de 2016, baseada na discussão do Manifesto Liberal de Oxford (1947). Este serviu de base ao manifesto e à declaração de princípios do partido. O manifesto "Portugal Mais Liberal" foi elaborado de forma colaborativa e recorrendo ao princípio da democracia digital.

Em setembro de 2017, foram entregues no Tribunal Constitucional 8176 assinaturas (acima das 7500 exigidas por lei) necessárias à formalização do partido. A 26 de novembro de 2017, foi realizada a Convenção Fundadora do partido, na cidade do Porto. A sua inscrição no registo dos partidos políticos portugueses foi aceite pelo Tribunal Constitucional a 13 de dezembro de 2017. A IL conta com quatro participações em congressos da Aliança dos Liberais e Democratas pela Europa, família política europeia na qual se insere: 2016 em Varsóvia, 2017 em Amesterdão, em 2018 em Madrid e em 2019 em Atenas. A IL concorreu aos três atos eleitorais em Portugal em 2019: as eleições europeias, as eleições regionais da Madeira e as eleições legislativas.

A 23 de agosto de 2018, o presidente do partido, Miguel Ferreira da Silva, demitiu-se após ter emergido que a página do partido no Facebook fora inicialmente criada como página de apoio a António Costa nas primárias do Partido Socialista em 2014. A 13 de outubro de 2018, na II Convenção Nacional em Montemor-o-Velho, foram eleitos novos órgãos do partido, tendo tomado posse como presidente Carlos Guimarães Pinto.

A 25 de novembro de 2018, no aniversário do golpe militar falhado de 1975, a Iniciativa Liberal celebrou o fim do Processo Revolucionário em Curso, comemorando, segundo as palavras do seu presidente, "o dia em que Portugal se livrou de passar de uma ditadura de direita para uma de esquerda".

Em 2019, nas primeiras eleições para o Parlamento Europeu e nas eleições da Assembleia Legislativa da Madeira a que concorreu, não alcançou a eleição de qualquer deputado.

A 6 de outubro de 2019, nas primeiras Eleições Legislativas a que concorreu, conseguiu a eleição de um deputado, João Cotrim de Figueiredo, pelo círculo eleitoral de Lisboa. O então presidente da Comissão Executiva, Carlos Guimarães Pinto, não logrou a eleição pelo círculo do Porto e abandonou a presidência do partido. Consequentemente, a 8 de dezembro de 2019, teve lugar a III Convenção Nacional do partido, em Pombal, em que foi eleita uma nova Comissão Executiva, liderada por João Cotrim de Figueiredo, para o mandato 2019–2021.

A 25 de julho de 2020, Tiago Mayan Gonçalves, presidente do Conselho de Jurisdição da IL, anunciou a sua candidatura às eleições presidenciais de 2021 com o apoio declarado do partido, tendo alcançado 3,2% dos votos.

A 25 de outubro de 2020, Nuno Barata foi eleito deputado pelo círculo de compensação nas Eleições à Assembleia Legislativa dos Açores, tomando posse a 16 de novembro de 2020. Estabeleceu um acordo de incidência parlamentar com o PSD-Açores, viabilizando a formação do XIII Governo Regional dos Açores, liderado por José Manuel Bolieiro, que, tendo perdido as eleições regionais, estabeleceu uma coligação com o CDS-PP e o PPM com vista a substituir o governo regional liderado por Vasco Cordeiro.

Em 2020, foram realizadas duas convenções nacionais, a IV, para aprovar alterações aos estatutos do partido, a 15 de novembro, e a V, a 12 de dezembro, com vista à eleição de todos os órgãos estatutários do partido, exceto a Comissão Executiva. Ambas as convenções foram realizadas por videoconferência devido à pandemia de Covid-19.

A 25 de Abril de 2021, o partido celebrou a Revolução dos Cravos e o 47.º aniversário do fim do Estado Novo, marchando pela Avenida da Liberdade. A participação do partido neste evento gerou controvérsia entre partidos e movimentos de esquerda.

A 26 de Setembro de 2021, o partido participou nas suas primeiras Eleições autárquicas. Concorreu a 53 câmaras, candidatando-se 46 a nível independente e em coligação em 7. Elegeu 25 deputados municipais, 1 presidente de câmara apoiado, Rui Moreira no Porto, e 1 presidente de junta, Tiago Mayan Gonçalves, com 1,29% dos votos, somando mais de 60 mil votantes.

A 11 de dezembro de 2021, realizou-se a VI Convenção Nacional do partido, em Lisboa, tendo sido reeleito João Cotrim de Figueiredo como presidente da Comissão Executiva para o mandato 2021–2023.

A 30 de janeiro de 2022, obteve 4,91% dos votos nas eleições legislativas antecipadas desse ano, logrando eleger oito deputados e formando, pela primeira vez, um grupo parlamentar e tornando-se a 4.ª força política nacional.

A 2 de junho de 2022, voltou a receber o estatuto de full member no partido europeu ALDE, por unanimidade, no Congresso de Dublin.

Em outubro de 2022, o presidente da Comissão Executiva, João Cotrim de Figueiredo, anunciou a antecipação das eleições internas em um ano, como forma de harmonizar os mandatos de todos os órgãos do partido, e anunciou que não seria candidato ao cargo de presidente da comissão executiva, alegando razões pessoais e a necessidade de o partido assumir uma abordagem mais popular, como forma de chegar a mais públicos. A VII Convenção Nacional do partido foi então marcada para os dias 21 e 22 de janeiro de 2023, em Lisboa, tendo os deputados Rui Rocha e Carla Castro anunciando as respetivas candidaturas à presidência da Comissão Executiva, sendo a primeira vez que existem no partido duas listas à Comissão Executiva.

A 22 de janeiro de 2023, na VII Convenção Nacional do partido, Rui Rocha foi eleito presidente da Comissão Executiva da IL para o mandato 2023–2025.

Em setembro de 2023, a IL elegeu pela primeira vez um deputado, Nuno Morna, nas Eleições à Assembleia Legislativa da Madeira, alcançando 2,63% dos votos. Apesar da disponibilidade manifestada para estabelecer um acordo com a coligação PSD/CDS, que venceu as eleições sem maioria absoluta, o PSD Madeira optou por um acordo de incidência parlamentar com o PAN, pelo que a IL se considerou «desobrigada de responsabilidades» e apenas se compromete a avaliar propostas «caso a caso», limitando-se a fazer «oposição construtiva».

Fundadores

A Iniciativa Liberal surge de um jantar no dia 23 de dezembro de 2015 entre os fundadores Alexandre Krauss, Bruno Horta Soares e Rodrigo Saraiva, no restaurante Cisterna, em Lisboa. É constituida enquanto associação a 20 de setembro de 2016, baseada na discussão do Manifesto Liberal de Oxford. Em setembro de 2017, foram entregues 8176 assinaturas ao Tribunal Constitucional, tornando-se, enquanto partido, oficialmente formado a 13 de dezembro de 2017.

Nome Retrato
Alexandre Krauss
Rodrigo Saraiva
Bruno Horta Soares

Órgãos Nacionais

Direção

O Presidente da Iniciativa Liberal é a figura política mais importante do partido. O cargo é atualmente ocupado por Rui Rocha. De acordo com o artigos 15.º e 17.º dos Estatutos do partido, a Comissão Executiva é eleita em lista e por sufrágio universal pela Convenção Nacional. O Presidente encabeça a Comissão Executiva, e de acordo com o artigo 18.º dos Estatutos do partido, cabe-lhe:

  • Liderar a Comissão Executiva e, em geral, o partido;
  • Representar externamente o partido;
  • Apresentar publicamente a posição do partido;
  • Distribuir pelouros de gestão aos demais membros da Comissão Executiva.

De acordo com a Lei das precedências do Protocolo do Estado Português, o presidente da IL, tal como os líderes de outros partidos com assento parlamentar, é o 16.º na ordem de precedência no Protocolo de Estado Português.

Presidentes da Iniciativa Liberal

# Presidente
(Nascimento-Morte)
Retrato Círculo eleitoral Início do mandato Fim do mandato Primeiro-Ministro (mandato)
1 Miguel Jesus Neves Ferreira da Silva
(1972–)
- 13 de dezembro de 2017 13 de outubro de 2018   António Costa (2015-2024)


TBD

2 Carlos Manuel Guimarães Oliveira Pinto
(1983–)
Porto 13 de outubro de 2018 8 de dezembro de 2019
3 João Fernando Cotrim de Figueiredo
(1961–)
Lisboa 8 de dezembro de 2019 22 de janeiro de 2023
4 Rui Nuno de Oliveira Garcia da Rocha
(1970–)
Braga 22 de janeiro de 2023 presente

Eleições Presidenciais Internas

A Iniciativa Liberal elege o seu presidente através das Eleições para a Comissão Executiva, assumindo o líder da lista funções por um período de dois anos. A Convenção Nacional da Iniciativa Liberal ocorre para a votação de vários tópicos, não ocorrendo exclusivamente para eleições de nova Comissão Executiva.

Ano Eleito(a) Retrato Percentagem / Motivo Convenção Candidato(a) Retrato
VII Convenção Nacional de 2023 Rui Rocha 51,7%
Eleição para a Comissão Executiva, Conselho de Jurisdição, Conselho de Fiscalização e Conselho Nacional.
Rui Rocha
(51,7%)
Carla Castro (44%)
José Cardoso (4,3%)
VI Convenção Nacional de 2021 João Cotrim de Figueiredo 94,1%
V Convenção Nacional de 2020 Eleição para o Conselho de Jurisdição, Conselho de Fiscalização, e membros em lista para o Conselho Nacional.
IV Convenção Nacional de 2020 Revisão estatutária.
III Convenção Nacional de 2019 João Cotrim de Figueiredo 96%
II Convenção Nacional de 2018 Carlos Guimarães Pinto Não divulgada
I Convenção Nacional de 2018 Miguel Ferreira da Silva Não divulgada

Programa político

A 5 de maio de 2018, a Iniciativa Liberal aprovou o seu programa político com o slogan "Menos Estado, Mais Liberdade", construído de forma colaborativa, incluindo propostas por correio eletrónico. O partido propôs a redução do número de funcionários públicos e maior liberdade de escolha para escolas (inclusive privadas), deixando esta de estar ligada à morada do aluno. Os seus dirigentes afirmam rejeitar o espectro político esquerda e direita. É, contudo, comummente referido como sendo de direita.

Programa para as legislativas de 2019

Entre as medidas anunciadas para as Legislativas de 2019, encontram-se:

  • taxa única de IRS de 15% sobre rendimentos superiores a 650 €;
  • alargamento da ADSE a todos os portugueses;
  • liberdade de escolha da escola no sistema público e privado;
  • liberdade para as universidades definirem critérios de admissão.

Financiamento partidário

Em 2020 captou 15000 euros em donativos. Em 2021 angariara 243000 euros, contando-se entre os doadores Luís Amaral, acionista maioritário do jornal Observador e o presidente executivo da EDP Miguel Stilwell d'Andrade.

Organização

Os órgãos nacionais do partido são a Convenção Nacional, a Comissão Executiva, o Conselho de Jurisdição, o Conselho de Fiscalização e o Conselho Nacional, possuindo ainda núcleos territoriais nos Açores, Almada, Amadora, Aveiro, Braga, Cascais, Coimbra, Évora, Faro, Felgueiras, Gondomar, Guimarães, Leiria, Lisboa, Loures, Madeira, Mafra, Maia, Matosinhos, Montijo, Odivelas, Oeiras, Porto, Póvoa de Varzim, Santa Maria da Feira, Santarém, Seixal, Setúbal, Sintra, Viana do Castelo, Vila Nova de Famalicão, Vila Nova de Gaia e Viseu. A Iniciativa Liberal não tem estruturas a nível distrital nem uma juventude partidária.

Mandatos relevantes

Comissão Executiva

A Comissão Executiva em funções será eleita na VII Convenção Nacional da Iniciativa Liberal, realizada em Lisboa nos dias 21 e 22 de janeiro de 2023. De acordo com os Estatutos da Iniciativa Liberal, o seu mandato é válido por um período de dois anos.

Presidente: Rui Rocha

Secretário-Geral: Miguel Rangel

Vice-Presidentes:

1º VP: - Ricardo Pais Oliveira

2ª VP: - Angélique da Teresa

3º VP: - Bernardo Blanco

4ª VP: - Ana Martins

Tesoureiro: Tiago Oliveira Martins

Açores - Nuno Barata

Madeira - Nuno Morna

Vogal - Joana Cordeiro

Vogal - Pedro Almeida

Vogal - Rui Ribeiro

Vogal - Pedro Schuller

Vogal - Cláudia Neto de Vasconcelos

Vogal - André Abrantes Amaral

Vogal - Mário Amorim Lopes

Vogal - Rodrigo Gonçalves da Silva

Vogal - Olga Baptista

Vogal - Luís Nascimento

Vogal - Miguel Noronha

Vogal - Ricardo Zamith

Vogal - Pedro Pereira

Vogal - Catarina Neto

Vogal - António Costa Amaral

Vogal - Bruno Mourão Martins

Mesa do Conselho Nacional

O Conselho Nacional em funções iniciou o seu mandato de dois anos na VII Convenção Nacional da Iniciativa Liberal, realizada entre 21 e 22 de janeiro de 2023.

Presidente - Nuno Santos Fernandes

Vice-presidente - Pedro Ferreira

Secretárias:

1.ª Secretária - Joana Sousa

2.ª Secretária - Sílvia Abreu

Conselho de Jurisdição

O Conselho de Jurisdição em funções iniciou o seu mandato de dois anos na VII Convenção Nacional da Iniciativa Liberal, realizada entre 21 e 22 de janeiro de 2023.

Presidente: Miguel Barbosa

Membros:

  • António Guedes
  • Cristina Rodrigues
  • Pedro Albuquerque
  • Ricardo Pereira
  • Rita Lima
  • Maria da Luz Costa
  • Luís Monteiro
  • Carla Abreu
  • Gonçalo Santos
  • Luís Quental

Conselho de Fiscalização

O Conselho de Fiscalização em funções iniciou o seu mandato de dois anos na VII Convenção Nacional da Iniciativa Liberal, realizada entre 21 e 22 de janeiro de 2023.

Presidente: Nuno Pedroso

Membros:

  • Óscar Veloso
  • Rui Magalhães
  • Daniel Melo
  • Inês Brandão

Resultados eleitorais

Eleições legislativas" class="mw-editsection-visualeditor">editar | editar código-fonte]

Data Líder CI. Votos % +/- Deputados +/- Status
2019 Carlos Guimarães Pinto 8.º 67 681
1,29 / 100,00
1 / 230
Oposição
2022 João Cotrim Figueiredo 4.º 273 399
4,91 / 100,00
Aumento3,62
8 / 230
Aumento7 Oposição
2024 Rui Rocha 4.º 319 685
4,94 / 100,00
Aumento0,03
8 / 230
Estável Oposição
Resultados por círculo eleitoral

Aveiro

Data CI. Votos % +/- Deputados +/-
2019 7.º 3 852
1,02 / 100,00
0 / 16
2022 4.º 16 294
4,47 / 100,00
Aumento3,45
0 / 16
Estável

Beja

Data CI. Votos % +/- Deputados +/-
2019 10.º 279
0,43 / 100,00
0 / 3
2022 6.º 1 388
2,06 / 100,00
Aumento1,63
0 / 3
Estável

Braga

Data CI. Votos % +/- Deputados +/-
2019 7.º 3 804
0,82 / 100,00
0 / 19
2022 4.º 21 432
4,33 / 100,00
Aumento3,51
1 / 19
Aumento 1

Bragança

Data CI. Votos % +/- Deputados +/-
2019 11.º 543
0,58 / 100,00
0 / 3
2022 6.º 2 443
2,55 / 100,00
Aumento1,97
0 / 3
Estável

Castelo Branco

Data CI. Votos % +/- Deputados +/-
2019 11.º 271
0,43 / 100,00
0 / 3
2022 6.º 1 049
1,60 / 100,00
Aumento1,17
0 / 3
Estável

Coimbra

Data CI. Votos % +/- Deputados +/-
2019 10.º 1 676
0,82 / 100,00
0 / 9
2022 5.º 7 779
3,62 / 100,00
Aumento 2,80
0 / 9
Estável

Évora

Data CI. Votos % +/- Deputados +/-
2019 10.º 490
0,66 / 100,00
0 / 3
2022 6.º 1 947
2,47 / 100,00
Aumento1,81
0 / 3
Estável

Faro

Data CI. Votos % +/- Deputados +/-
2019 10.º 1 424
0,82 / 100,00
0 / 9
2022 6.º 9 042
4,64 / 100,00
Aumento 3,82
0 / 9
Estável

Guarda

Data CI. Votos % +/- Deputados +/-
2019 8.º 461
0,60 / 100,00
0 / 3
2022 6.º 1 483
1,93 / 100,00
Aumento1,33
0 / 3
Estável

Leiria

Data CI. Votos % +/- Deputados +/-
2019 9.º 2 054
0,92 / 100,00
0 / 10
2022 4.º 12 400
5,26 / 100,00
Aumento 4,34
0 / 10
Estável

Lisboa

Data CI. Votos % +/- Deputados +/-
2019 7.º 27 166
2,47 / 100,00
1 / 48
2022 3.º 93 341
7,90 / 100,00
Aumento 5,43
4 / 48
Aumento 3

Portalegre

Data CI. Votos % +/- Deputados +/-
2019 11.º 255
0,49 / 100,00
0 / 2
2022 6.º 1 115
2,08 / 100,00
Aumento1,59
0 / 2
Estável

Porto

Data CI. Votos % +/- Deputados +/-
2019 7.º 14 221
1,52 / 100,00
0 / 40
2022 3.º 50 359
5,11 / 100,00
Aumento 3,59
2 / 40
Aumento 2

Santarém

Data CI. Votos % +/- Deputados +/-
2019 10.º 1 605
0,78 / 100,00
0 / 9
2022 6.º 8 219
3,77 / 100,00
Aumento 2,99
0 / 9
Estável

Setúbal

Data CI. Votos % +/- Deputados +/-
2019 9.º 4 133
1,05 / 100,00
0 / 18
2022 6.º 22 217
5,13 / 100,00
Aumento 4,08
1 / 18
Aumento 1

Viana do Castelo

Data CI. Votos % +/- Deputados +/-
2019 9.º 692
0,57 / 100,00
0 / 6
2022 7.º 3 651
2,87 / 100,00
Aumento 2,30
0 / 6
Estável

Vila Real

Data CI. Votos % +/- Deputados +/-
2019 12.º 425
0,42 / 100,00
0 / 5
2022 5.º 1 898
1,80 / 100,00
Aumento 1,38
0 / 5
Estável

Viseu

Data CI. Votos % +/- Deputados +/-
2019 10.º 974
0,55 / 100,00
0 / 8
2022 5.º 4 658
2,53 / 100,00
Aumento 1,98
0 / 8
Estável

Madeira

Data CI. Votos % +/- Deputados +/-
2019 10.º 922
0,71 / 100,00
0 / 6
2022 5.º 4 241
3,34 / 100,00
Aumento 2,63
0 / 6
Estável

Açores

Data CI. Votos % +/- Deputados +/-
2019 10.º 568
0,68 / 100,00
0 / 5
2022 5.º 3 454
4,11 / 100,00
Aumento 3,43
0 / 5
Estável

Europa

Data CI. Votos % +/- Deputados +/-
2019 11.º 874
0,81 / 100,00
0 / 2
2022 5.º 2 700
2,47 / 100,00
Aumento1,66
0 / 2
Estável

Fora da Europa

Data CI. Votos % +/- Deputados +/-
2019 7.º 1 262
2,51 / 100,00
0 / 2
2022 5.º 2 285
3,55 / 100,00
Aumento1,04
0 / 2
Estável

Eleições europeias

Data Cabeça-de-lista CI. Votos % +/- Deputados +/-
2019 Ricardo Arroja 11.º 29 120
0,88 / 100,00
0 / 21

Eleições presidenciais

Data Candidato apoiado 1.ª volta
Cl. Votos %
2021 Tiago Mayan Gonçalves 6.º 134.484
3,22 / 100,00

Eleições regionais

Açores

Data Cabeça-de-lista CI. Votos % +/- Deputados +/- Status
2020 Nuno Barata 7.º 2 012
1,93 / 100,00
Novo
1 / 57
Novo Apoio parlamentar (2020-2023)
Oposição (2023-presente)
2024 5.º 2 482
2,15 / 100,00
Aumento0,22
1 / 57
Estável A definir

Madeira

Data Cabeça-de-lista CI. Votos % +/- Deputados +/- Status
2019 Nuno Morna 12.º 762
0,53 / 100,00
Novo
0 / 47
Novo Extra-parlamentar
2023 6.º 3 555
2,63 / 100,00
Aumento2.1
1 / 47
Aumento1 Oposição

Eleições autárquicas

Os resultados apresentados nesta secção excluem os relativos às coligações integradas pelo partido. São apresentados apenas os dos concelhos e das freguesias onde a IL concorreu sozinho.

Câmaras Municipais

Data CI. Votos % +/- Presidentes CM +/- Vereadores +/- Ref
2021 12.º 64 849
1,30 / 100,00
0 / 308
0 / 2 064

Assembleias Municipais

Data CI. Votos % +/- Deputados +/- Ref
2021 10.º 76 349
1,53 / 100,00
26 / 6 448

Assembleias de Freguesia

Data CI. Votos % +/- Deputados +/- Ref
2021 12.º 49 832
1,00 / 100,00
45 / 26 788

Referências

  1. https://www.youtube.com/watch?v=FCAovdXcp3M&ab_channel=IniciativaLiberal
  2. Vasconcelos e Sousa, João (22 de janeiro de 2023). «Sociais-liberais contra conservadores: há "luta de classes" na IL?». Jornal de Notícias. Consultado em 26 de fevereiro de 2024. Cópia arquivada em 26 de fevereiro de 2024 
  3. https://iniciativaliberal.pt/identidade/
  4. a b «Identidade da Iniciativa Liberal». Iniciativa Liberal. Consultado em 20 de janeiro de 2020. Cópia arquivada em 23 de dezembro de 2019 
  5. Giorgi et al. 2020: "(...) due to both the rise of two new right-wing parties, the liberal IL (Iniciativa Liberal – Liberal Initiative) (...)"
  6. Botelho et al. 2020: "(...) two new right-wing parties (the radical right 'CHEGA' and the liberals 'Iniciativa Liberal') entered the Portuguese parliament (...)"
  7. Jalali et al. 2020, pp. 229-255: "The third noteworthy party on the right was IL (Iniciativa Liberal – Liberal Initiative) (...)"
  8. https://www.dn.pt/edicao-do-dia/18-fev-2023/psd-esta-sem-visao-reformista-e-sem-urgencia-de-transformar-o-pais-15858295.html
  9. Jalali, Carlos; Moniz, João; Silva, Patrícia (2 de abril de 2020). «In the Shadow of the 'Government of the Left': The 2019 Legislative Elections in Portugal». South European Society and Politics (2): 229–255. ISSN 1360-8746. doi:10.1080/13608746.2020.1868702. Consultado em 21 de fevereiro de 2023 
  10. Riccardo Marchi; Andre Azevedo Alves (2022). «The Right and the Far Right in the Portuguese Democracy (1974-2022)». In: António Costa Pinto; Jorge M. Fernandes; Pedro C. Magalhães. The Oxford Handbook of Portuguese Politics. : OUP Oxford. p. 113. ISBN 978-0-19-266773-1 
  11. «″Agora irão ter uma oposição diferente″, promete a Inaiciativa Liberal - DN». www.dn.pt. Consultado em 11 de novembro de 2020. Cópia arquivada em 7 de outubro de 2019 
  12. Paulo, Isabel (21 de maio de 2019). «Ricardo Arroja, o liberal que quer romper com o eixo horizontal direita-esquerda em prol de uma doutrina vertical». Expresso. Consultado em 21 de agosto de 2019. Cópia arquivada em 21 de agosto de 2019. O partido (...) não se posiciona como sendo de direita ou de esquerda (...) Para Arroja, o eixo horizontal direita-esquerda deve ser substituído por um eixo vertical, “no cimo do qual está a iniciativa privada e em que o Estado está ao serviço das pessoas”. 
  13. «Cópia arquivada» (PDF). Consultado em 20 de dezembro de 2017. Cópia arquivada (PDF) em 22 de dezembro de 2017 
  14. Rui Pedro Antunes (14 de janeiro de 2017). «Vêm aí os liberais. Não são papões e querem criar um partido». Observador. Consultado em 10 de março de 2019. Cópia arquivada em 20 de dezembro de 2017 
  15. «ACÓRDÃO Nº 826/2017». Tribunal Constitucional. 13 de dezembro de 2017. Consultado em 19 de dezembro de 2017. Cópia arquivada em 31 de maio de 2019 
  16. «Novo partido liberal quer ir a votos já em 2019, DN 18.12.2017». Consultado em 19 de dezembro de 2017. Cópia arquivada em 22 de dezembro de 2017 
  17. José Pedro Mozos (23 de agosto de 2018). «Presidente da Iniciativa Liberal demite-se depois de polémica com a página do partido no Facebook». Observador. Consultado em 10 de março de 2019. Cópia arquivada em 9 de julho de 2019 
  18. Rui Barros (23 de agosto de 2018). «Iniciativa Liberal. No Facebook, antes de o ser, era uma página de apoio a António Costa». Rádio Renascença. Consultado em 10 de março de 2019. Cópia arquivada em 2 de fevereiro de 2019 
  19. SAPO. «Carlos Guimarães Pinto é o novo presidente do partido Iniciativa Liberal». SAPO 24. Consultado em 17 de outubro de 2018. Cópia arquivada em 18 de outubro de 2018 
  20. «Iniciativa Liberal celebra 25 de novembro como dia em que Portugal se "livrou de uma ditadura de esquerda"». Jornal Económico. Consultado em 13 de maio de 2019. Cópia arquivada em 13 de maio de 2019 
  21. a b c d e - História da Iniciativa Liberal
  22. Peixoto, Ana Catarina. «Iniciativa Liberal elegeu um deputado e promete ser "a voz de oposição ao socialismo"». Observador. Consultado em 7 de outubro de 2019. Cópia arquivada em 7 de outubro de 2019 
  23. Carlos Guimarães Pinto abandona liderança da Iniciativa Liberal, Público 30.10.2019
  24. «Mayan 2021 - a alternativa Liberal». 25 de julho de 2020. Consultado em 26 de julho de 2020. Cópia arquivada em 26 de julho de 2020 
  25. «Iniciativa Liberal elege deputado pela primeira vez». Açoriano Oriental. Consultado em 16 de novembro de 2020. Cópia arquivada em 18 de janeiro de 2021 
  26. Iniciativa Liberal anuncia acordo com PSD para viabilização de governo nos Açores, Lusa 07.11.2020
  27. «25 Abril: Iniciativa Liberal apela à reflexão para que data volte a ser nacional e una as pessoas». SIC Notícias. Consultado em 2 de agosto de 2021 
  28. Borges, Liliana. «Iniciativa Liberal acusa organização do desfile do 25 de Abril de a impedir de participar». PÚBLICO. Consultado em 2 de agosto de 2021 
  29. https://observador.pt/2021/09/27/na-estreia-em-autarquicas-iniciativa-liberal-tem-resultado-modesto-e-so-carimba-lugar-numa-vereacao/
  30. https://www.rtp.pt/noticias/politica/iniciativa-liberal-elege-25-deputados-municipais-mas-falha-eleicao-de-vereadores_n1351569
  31. Marques, Francisco (28 de março de 2022). «Legislativas2022: Maioria absoluta do PS e Chega com 12 deputados». euronews. Consultado em 18 de abril de 2022 
  32. «ALDE Party Council welcomes new members in Dublin». ALDE Party (em inglês). Consultado em 10 de junho de 2022 
  33. Lusa (23 de outubro de 2022). «IL antecipa eleições e Cotrim Figueiredo não se recandidata à liderança». Lusa. Consultado em 24 de dezembro de 2022 
  34. Lusa (22 de janeiro de 2023). «Rui Rocha é o novo presidente da IL, com 51,7% dos votos». JN. Consultado em 22 de janeiro de 2023 
  35. «PSD e IL mantêm portas abertas depois da Madeira». Expresso. 29 de setembro de 2023. Consultado em 1 de outubro de 2023 
  36. «Madeira: Iniciativa Liberal acusa PSD de escolher "via mais fácil" e diz-se desobrigada de responsabilidades». DN/Lusa. 26 de setembro de 2023. Consultado em 1 de outubro de 2023 
  37. «IL vai fazer "oposição construtiva"». DN Madeira. 27 de setembro de 2023. Consultado em 1 de outubro de 2023 
  38. «História da Iniciativa Liberal» 
  39. a b https://iniciativaliberal.pt/estatutos/
  40. Diário da República (12 de agosto de 2006). «Lei 40/2006, 2006-08-25 - DRE». Consultado em 30 de novembro de 2019 
  41. Biografia na Wook
  42. https://www.jornaldenegocios.pt/economia/politica/detalhe/joao-cotrim-figueiredo-eleito-presidente-da-iniciativa-liberal-com-96-dos-votos
  43. https://www.publico.pt/2022/11/06/politica/noticia/iniciativa-liberal-escolhe-novo-lider-21-22-janeiro-2026706
  44. https://www.tsf.pt/portugal/politica/amp/cotrim-de-figueiredo-reeleito-lider-da-il-com-941-dos-votos-14400841.html
  45. https://observador.pt/2019/12/08/joao-cotrim-figueiredo-eleito-presidente-da-iniciativa-liberal-com-96-dos-votos/amp/
  46. «"Parece que não sabem que o muro de Berlim caiu e o sistema falhou"». ionline. Consultado em 3 de junho de 2018. Cópia arquivada em 17 de novembro de 2018 
  47. a b «Iniciativa Liberal aprova programa político que defende redução de funcionários públicos». DN. 5 de maio de 2018. Consultado em 16 de março de 2019. Cópia arquivada em 24 de abril de 2019 
  48. «Iniciativa Liberal descontente com o lugar atribuído no Parlamento». www.sabado.pt. Consultado em 29 de janeiro de 2020. Cópia arquivada em 29 de janeiro de 2020 
  49. Crespo, Anselmo (31 de agosto de 2019). «PS mais absoluto, PSD em queda livre. Aliança e Iniciativa Liberal podem eleger». TSF. Consultado em 9 de setembro de 2019. Cópia arquivada em 4 de setembro de 2019. Mas outros tantos estão a dispersar-se por partidos do centro-direita, que acabaram de chegar à política portuguesa: o Aliança e o Iniciativa Liberal (IL). 
  50. Palma, Tiago (7 de agosto de 2019). «Voltou a guerra dos cartazes. PS diz "cumprimos", Iniciativa Liberal satiriza "com primos"». Rádio Renascença. Consultado em 11 de setembro de 2019. Cópia arquivada em 8 de agosto de 2019. (...) Iniciativa Liberal (IL), partido de centro-direita fundado em 2017 e que este ano concorre pela primeira vez às legislativas. 
  51. Rita, Cristina (12 de março de 2019). «Direita. Há um movimento para refundar a família não socialista». Sol. Consultado em 11 de setembro de 2019. Cópia arquivada em 11 de setembro de 2019. A direita portuguesa vai ter um novo movimento – o Mov 5.7 (...) Miguel Morgado explica que o movimento pretende “revitalizar, refundar as bases sociais, intelectuais, cívicas, culturais das direitas em Portugal”. A iniciativa junta figuras do PSD, CDS, Iniciativa Liberal e Aliança (...) 
  52. «"Vacinada contra o socialismo", Zita Seabra deixa PSD e integra Iniciativa Liberal». Observador. 17 de agosto de 2019. Consultado em 9 de setembro de 2019. Cópia arquivada em 18 de agosto de 2019. (...) Zita Seabra (...) deixou os sociais-democratas para os trocar pela recém-criada Iniciativa Liberal (...) Será mandatária nacional da candidatura do partido (...) Seabra diz (...) que acredita que “os caminhos para refazer a direita em Portugal” — que considera estar “numa situação moribunda” — passa “por uma direita que não tenha medo de ser de direita e liberal”. 
  53. «"Iniciativa Liberal propõe taxa única de IRS de 15%"». Público. Consultado em 3 de agosto de 2019. Cópia arquivada em 3 de agosto de 2019 
  54. «"Iniciativa Liberal volta a pedir ADSE para todos"». Sábado. Consultado em 3 de agosto de 2019. Cópia arquivada em 3 de agosto de 2019 
  55. «"Iniciativa Liberal propõe liberdade de escolha da escola"». Notícias ao Minuto. Consultado em 3 de agosto de 2019. Cópia arquivada em 3 de agosto de 2019 
  56. «"Iniciativa Liberal propõe liberdade de escolha da escola"». Jornal de Negócios. Consultado em 3 de agosto de 2019. Cópia arquivada em 3 de agosto de 2019 
  57. a b «Famílias Mello e Champalimaud financiaram o Chega em 2021». www.sabado.pt. Consultado em 10 de outubro de 2022 
  58. «A Iniciativa | Iniciativa Liberal». Consultado em 17 de novembro de 2020. Cópia arquivada em 24 de novembro de 2020 
  59. Maia| Iniciativa Liberal com nova representante na Assembleia Municipal, Jornal da Maia 10.05.2022
  60. Ata da 5.ª Sessão Extraordinária de 15.09.23 - Assembleia Municipal da Maia
  61. Líder da ala conservadora da Iniciativa Liberal deixa de ser deputado municipal, O Novo 01.03.2023
  62. Composição da Assembleia Municipal de Mafra
  63. a b «Dirigentes | Iniciativa Liberal». Consultado em 17 de dezembro de 2021 
  64. Nuno Santos Fernandes eleito presidente do Conselho Nacional da IL, RTP 26.02.2023
  65. «Legislativas 2022». www.legislativas2022.mai.gov.pt. Consultado em 10 de junho de 2022 
  66. «Açores. PSD aceita reduzir funcionários públicos e privatizar empresas, mas nem assim Iniciativa Liberal garante aprovar orçamentos». Jornal Expresso. Consultado em 11 de novembro de 2020. Cópia arquivada em 9 de novembro de 2020 
  67. «IL põe fim ao acordo de governação com o PSD nos Açores». Jornal de Negócios. Consultado em 8 de março de 2023 
  68. a b c Eleições autárquicas 2021 – Resultados

Bibliografia

Ver também

Notas